SÃO JOSÉ DE ANCHIETA E A NATUREZA

SÃO JOSÉ DE ANCHIETA E A NATUREZA
São José de Anchieta

sexta-feira, 16 de maio de 2008

Papa compõe oração pela conversão da China

Acima: Mártires chineses - Catedral de Nossa Senhora de Sheshan, em Shangai
O Papa Bento XVI compôs uma oração à Nossa Senhora de Sheshan que será rezada por ocasião da Jornada de Oração pela Igreja da China a ser realizada no próximo dia 24 de maio. O Santo Padre, na carta que escreveu em maio do ano passado aos católicos que vivem na China comunista, manifestou seu desejo de que a 24 de maio deste ano, em memória de Nossa Senhora Auxílio dos Cristãos, que se venera no santuário de Sheshan, em Shangai, fosse feita uma jornada de oração pela conversão da China.
Eis o texto da oração:
"Virgem Santíssima, Mãe do Verbo Encarnado e Mãe nossa, que se venera com o título de "Auxílio dos cristãos" no Santuário de Sheshan, à qual se dirige com devoção toda a Igreja na China, hoje viemos ante ti para implorar tua proteção. Olha o Povo de Deus e guia-o com solicitude maternal pelos caminhos da verdade e do amor, para que seja sempre fermento de convivência harmônica entre todos os cidadãos. Com o dócil "sim" pronunciado em Nazaré tu aceitaste que o Filho eterno de Deus se encarnasse em teu seio virginal, iniciando assim na história a obra da Redenção, na qual cooperaste depois com solícita dedicação, deixando que a espada da dor traspassasse tua alma até a hora suprema da Cruz, quando no Calvário permaneceste erguida junto a teu Filho, que morria para que o homem vivesse. Desde então chegastes a ser, de novo modo, Mãe de todos os que acolhem a teu Filho Jesus na fé e o seguem tomando sua Cruz. Mãe da esperança, que na obscuridade do Sábado Santo saíste ao encontro da manhã de Páscoa com confiança inquebrantável, concede a teus filhos a capacidade de discernir em qualquer situação, inclusive nas mais tenebrosas, os sinais da presença amorosa de Deus. Senhora nossa de Sheshan, alenta o compromisso daques que, na China, em meio das fadigas cotidianas, sigam crendo, esperando e amando, para que nunca temam falar de Jesus ao mundo e do mundo a Jesus. Na estátua que coroa o Santuário tu mostras teu Filho ao mundo com os braços abertos num gesto de amor. Ajuda aos católicos a ser sempre testemunhos críveis deste amor, mantendo-se unidos à pedra de Pedro sobre a qual está edificada a Igreja. Mãe da China e da Ásia, roga por nós agora e sempre. Amém."

Nenhum comentário: