SÃO JOSÉ DE ANCHIETA E A NATUREZA

SÃO JOSÉ DE ANCHIETA E A NATUREZA
São José de Anchieta

quinta-feira, 15 de maio de 2008

Importância da tradição na liturgia da Igreja

O mestre de cerimônia do Vaticano, mons. Guido Marini, declarou a um jornal italiano que o Papa Bento XVI já pode celebrar a Santa Missa segundo a forma extraordinária do Rito Romano, conforme o mesmo promulgou recentemente no Motu Proprio "Summorum Pontificum". No entanto, mons. Marini frisou que "é importante uma leitura serena, eclesial e não ideológica, destas decisões do Pontífice". A liturgia da Igreja, da mesma forma que sua própria vida, é feita de continuidade (isto é, Tradição), o desenvolvimento vem através de sua continuidade. Isto sucede porque a Igreja procede em seu caminho histórico sem perder de vista suas próprias raízes e sua própria tradição viva. Isto pode exigir, em alguns casos, a recuperação de elementos preciosos e importantes que, ao longo do caminho, haviam se perdido, esquecidos ou que o passar do tempo fez com que seja menos brilhante em seu autêntico significado. "Creio que o Motu Próprio vai exatamente nesta direção: reafirmando muito claramente que na vida litúrgica da Igreja há continuidade, sem ruptura".


Nenhum comentário: