SÃO JOSÉ DE ANCHIETA E A NATUREZA

SÃO JOSÉ DE ANCHIETA E A NATUREZA
São José de Anchieta

quinta-feira, 21 de maio de 2009

Ex senadora socialista espanhola, agora católica, manifesta-se contra leis abortistas

A ex senadora espanhola Mercedes Aroz, socialista e atéia, renunciou a seu cargo recentemente e anunciou sua conversão ao catolicismo. Com mais de um milhão e meio de votos, ela ostentava o recorde absoluto nas eleições da câmara alta da Espanha. Trata-se de uma conversão espetacular, haja vista que a ex senadora foi marxista ortodoxa durante várias décadas e era afiliada ao Partido Socialista Espanhol como política de proa daquele partido. Provinha, também, de uma formação ultra-comunista pois pertencera anteriormente à Liga Comunista Revolucionária. Assim justifica ela sua conversão e abandono da política:
"Meu atual compromisso cristão me levou a discrepar com determinadas leis do Governo que chocam frontalmente com a ética cristã, como a regulação dada à união homossexual ou a pesquisa com embriões, e que em consciência não pude apoiar. Em conseqüência, impunha-se a decisão que tomei"; em declarações ao Europa Press declarou: "Eu quis tornar pública minha conversão para sublinhar a convicção da Igreja Católica de que o cristianismo tem muito a dizer aos homens e mulheres de nosso tempo, porque há algo mais que a razão e a ciência. Através da fé cristã, chega-se a compreender plenamente a própria identidade como ser humano e o sentido da vida".
Agora, Mercedes Aroz formaliza e aprofunda mais ainda sua decisão ao anunciar sua completa retirada da política, alegando que o motivo principal é a decisão do PSOE de favorecer leis abortistas no país. Em carta enviada ao dirigente de seu ex partido, a política mais votada nos últimos tempos na Espanha alegou que atual legislação abortista “é algo muito mais que uma questão de consciência moral e vai de encontro aos direitos humanos”.

Nenhum comentário: