SÃO JOSÉ DE ANCHIETA E A NATUREZA

SÃO JOSÉ DE ANCHIETA E A NATUREZA
São José de Anchieta

segunda-feira, 22 de março de 2010

Políticos holandeses promovem promiscuidade sexual e pedofilia

Eis uma plataforma política que nada tem nada a ver com o nome do partido: o NVD (sigla holandesa do partido “Caridade, Liberdade e Diversidade”), defende que “qualquer limite de idade para o sexo é absurdo”, “A melhor forma das crianças deixarem de ter curiosidade pelo proibido é praticá-lo”, além do que deve ser liberado a pornografia infantil e as drogas.
Indo mais além, um dos fundadores de tão pervertido partido político, Ad Van der Berg, defende também o que está sendo chamado de “zoolofilia”, ou seja a prática sexual entre seres humanos e animais irracionais. Um dos pretextos para que eles defendam a diminuição da maioridade (de 16 para 12 anos) é que se comece a praticar sexo bem cedo, e com adultos - quanto mais inocente melhor!
Outro argumento utilizado por eles, que tem uma certa lógica, em virtude do tortuoso caminho que trilha a sociedade holandesa em sua louca liberalidade sexual e das drogas: Van der Berg diz que se seu país mantém políticas liberais sobre as drogas, a prostituição e o matrimônio homossexual, por que não liberalizar também a pedofilia? Vejam como homossexualismo e pedofilia anda juntos...
O NVD defende o estranho “direito” dos menores a prostituir-se e ter acesso a todo tipo de pornografia, inclusive a dos filmes. Da mesma forma estão defendendo liberar as relações sexuais com animais irracionais, com uma única condição: que os referidos animais não sejam maltratados. É o que chamamos de bestialidade, ou bestialismo. Em meio ao seu discurso liberalizante, tais políticos defendem, além de todo tipo de droga, o “direito” de se andar nu pelas ruas.
Graças a Deus ainda resta um pouco de bom senso naquela sociedade tão decadente, pois foi recusado o registro de tal partido. Por falta de quorum... Houve protestos contra eles, como da “chefa” do Departamento de Proteção dos Menores, Loreto Martinez, que afirmou ser “o menino ou menina uma pessoa objeto de desejos sexuais dos adultos”, sendo este o único argumento usado por ela para recusar as propostas do NVD. As propostas do novo partido causou-lhe espanto, mas provavelmente ela não tenha se espantado com uma série de leis e permissões que atualmente preparam o terreno da sociedade holandesa para que o NVD vença de futuro.
Um dado lógico, mas pouco falado e ocultado pelos lobbies homossexuais: a maior parte das redes de pedofilia é composta por homossexuais, sendo muito afim com a agenda deles as propostas do NVD. Há algum tempo, um tal de “Comitê para as ONG’s”, ligado ao Conselho Econômico Social da ONU (ECOSOC) recomendou não outorgar status consultivo a associações ligadas com a Associação Internacional de Gays e Lésbicas. A negativa está relacionada ao fato de que os membros destas entidades são em geral pedófilos. Ver a notícia em NoticiasGlobales.org.
Suspirando aliviado, o padre Fortunato Di Noto disse que foi uma “boa vitória civil” o fato do NVD haver se dissolvido: não conseguindo assinaturas suficientes o partido não efetuou seu registro para concorrer às próximas eleições. O padre Fortunato liderava um movimento contra a fundação deste partido, fazendo parte de sua luta contra a pedofilia na Holanda. “Por enquanto obtivemos esta vitória – disse – a dissolução deste polêmico partido foi decidida por aqueles que estão do lado dos meninos. Esperamos que fechem também seus portais na internet”.

Nenhum comentário: