SÃO JOSÉ DE ANCHIETA E A NATUREZA

SÃO JOSÉ DE ANCHIETA E A NATUREZA
São José de Anchieta

sábado, 12 de abril de 2008

Entrevista do Pe. Gabriele Amorth: Quinto vídeo

video

Padre Amorth ainda está terminando de explicar sobre o sucesso do filme “O Exorcista”. Em seguida o jornalista Iker Jiménez repete, mais ou menos, o que disse na pergunta anterior: como é possível que os corpos levitem? Não é mera ficção? O padre, então, conta o caso de um possesso que para fazer o exorcismo era necessário ajuda de seis pessoas fortes para segurá-lo, e levitava juntamente com as seis. As pessoas tinham que puxá-lo para baixo. Quer dizer, são casos muito raros, mas que são possíveis e inexplicáveis de forma natural, pois o faz de forma maléfica. Conta um outro caso de um jovem que, ao ser exorcizado dentro de uma igreja, levitou até tocar o teto da mesma. Pergunta de Carmen Porter: relembra o caso em que o padre Cândido fazia um exorcismo e a pessoa possessa abriu a janela e pulou de onde estava se suicidando. O padre Gabrielle começa dizendo que é o único caso conhecido em que uma pessoa se suicida ao ser exorcizada. Esta jovem estava desesperada, e sua mãe também era responsável por sua possessão diabólica e, em vez de ajudá-la, desesperava-a mais. O demônio não tem poder para tirar a vida do possesso, mas pode provocar distúrbios tais que o desespere e possa lhe causar a morte, como por exemplo o suicídio. Pergunta final: Iker Jiménez – o diabo existe? Sua pergunta é muito importante, diz o padre, especialmente nesta época em que até mesmo sacerdotes e bispos não crêem no demônio e não nomeiam exorcistas.

Nenhum comentário: