SÃO JOSÉ DE ANCHIETA E A NATUREZA

SÃO JOSÉ DE ANCHIETA E A NATUREZA
São José de Anchieta

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Papa concede honraria a Monsenhor João Clá


Os Arautos do Evangelho, através de sua agência noticiosa, está divulgando a notícia abaixo. O fato constitui para nós, católicos brasileiros, motivo de grande contentamento, especialmente por saber que o Vaticano está reconhecendo e premiando o excelente trabalho realizado pelo fundador dos Arautos.
São Paulo (Sábado, 15-08-2009, Gaudium Press) A medalha "Pro Ecclesia et Pontifice, uma das mais altas honrarias concedidas pelo Papa àqueles que se distinguiram por sua atuação em favor da Igreja e do Romano Pontífice, foi entregue pelo Emmo. Cardeal D. Franc Rodé a Mons. João Scognamiglio Clá Dias, numa solene celebração Eucarística, no dia 15 de agosto, na igreja de Nossa Senhora do Rosário, do seminário dos Arautos do Evangelho, localizada na Grande São Paulo.
Mons. João S. Clá Dias é fundador dos Arautos do Evangelho e de duas Sociedades de Vida Apostólica, uma clerical e outra feminina, Virgo Flos Carmeli e Regina Virginum, respectivamente.
No ato de entrega da medalha, por ocasião do 70º aniversário de Mons. João Clá, o Prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica destacou os méritos do homenageado, recordando as palavras de São Bernardo de Claraval: "No momento de vos entregar a condecoração com a qual o Santo Padre quis premiar vossos méritos, vêm-me à mente as palavras de São Bernardo, no início de seu tratado De laude novae militiae: "Faz algum tempo que se difunde a notícia de que um novo gênero de cavalaria apareceu no mundo " . Estas palavras podem ser aplicadas ao momento presente. Com efeito, uma nova cavalaria nasceu, graças a Vossa Excelência, não secular, mas religiosa, com um novo ideal de santidade e um heróico empenho pela Igreja.
"Neste empreendimento, nascido em vosso nobre coração, não podemos deixar de ver uma graça particular dada à Igreja, um ato da Divina Providência em vista das necessidades do mundo de hoje."
Ao agradecer a prestigiosa condecoração com que o Santo Padre o quis agraciar, Mons. João S. Clá Dias ressaltou o brilhante papel do Cardeal D. Franc Rodé na direção do dicastério romano que lhe está confiado e as preciosas orientações que levaram à aprovação pontifícia das duas Sociedades de Vida apostólica: Regina Virginum e Virgo Flos Carmeli. Mas, sobretudo, quis expressar os sentimentos de filial adesão ao Santo Padre que palpitam no coração de todos os membros do movimento dos Arautos do Evangelho, fazendo suas as palavras de um insigne líder católico brasileiro do século XX, o Prof. Plinio Corrêa de Oliveira: "Tudo quanto na Igreja há de santidade, de autoridade, de virtude sobrenatural, tudo isto, mas absolutamente tudo sem exceção, nem condição, nem restrição, está subordinado, condicionado, dependente da união à Cátedra de São Pedro. (...)"Por isto, é sinal de condição de vigor espiritual, uma extrema susceptibilidade, uma vibratilidade delicadíssima e vivaz dos fiéis por tudo quanto diga respeito à segurança, glória e tranqüilidade do Romano Pontífice. Depois do amor a Deus, é este o mais alto dos amores que a Religião nos ensina. Um e outro amor se confundem até.(...) E nós podemos dizer: "para nós, entre o Papa e Jesus Cristo não há diferença". Tudo o que diga respeito ao Papa diz respeito, direta, íntima, indissoluvelmente, a Jesus Cristo".
No dia anterior, 14 de agosto, o ilustre visitante inaugurou com um celebração eucarística a igreja de Nossa Senhora do Carmo, localizada na Casa- Mãe da Sociedade de Vida Apostólica feminina Regina Virginum.

Destaque da Zenit

Eis como a Zenit noticiou o fato:

Fundador dos Arautos do Evangelho recebe condecoração do Papa

A Monsenhor João Scognamiglio Clá Dias a “Pro Ecclesia et Pontifice”

SÃO PAULO, segunda-feira, 17 de agosto de 2009 (ZENIT.org).- Durante a Eucaristia na festa de Nossa Senhora da Assunção celebrada na Igreja Nossa Senhora do Rosário, em São Paulo, o cardeal Franc Rodé, prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica, entregou, a 15 de agosto, em nome do Papa Bento XVI, a Cruz “Pro Ecclesia et Pontifice”, a Monsenhor Joao Scognamiglio Clá Dias, fundador e presidente geral dos Arautos do Evangelho.

Ao fazer a entrega da condecoração, o cardeal Rodé apresentou os objetivos desta recente associação internacional de fiéis de Direito Pontifício inspirada em “um novo ideal de santidade e um heróico empenho pela Igreja”.

“Nesta iniciativa nascida em seu nobre coração, não podemos deixar de ver uma graça particular concedida à Igreja, um ato da Divina Providência, ante as necessidades do mundo de hoje”, reconheceu o cardeal esloveno dirigindo-se ao fundador.

Segundo o purpurado, o ideal que monsenhor João Scognamiglio propõe “é o de seguir Cristo no grande movimento dos Arautos do Evangelho, com radicalismo evangélico, combatendo sem trégua, como diz São Bernardo, uma dupla batalha, seja contra a carne e o sangue, seja contra os espíritos malignos do mundo invisível”.

Por sua parte, Monsenhor João Scognamiglio Clá, ao dirigir-se ao cardeal Rodé, agradeceu a Bento XVI por esta condecoração.

A condecoração “Pro Ecclesia et Pontifice” foi instituída pelo Papa Leão XIII, em 1888, para distinguir sacerdotes ou leigos por suas qualidades, virtudes ou méritos, especialmente por seu amor à Santa Igreja e ao Romano Pontífice.

Os Arautos do Evangelho foram reconhecidos como associação internacional de fiéis de Direito Pontifício erigida pela Santa Sé em 22 de fevereiro de 2001.

Formada em sua maioria por jovens (consagrados no celibato ou “cooperadores”), a associação atualmente se faz presente em 57 países.

Nenhum comentário: